ARRENDAMENTO MERCANTIL – O QUE MUDA COM O IFRS 16 / NBC TG 06 (R3)

A IFRS 16 (no Brasil ratificada pela NBC TG 06 (R3)) exige que os arrendatários reconheçam quase todos os contratos nos seus balanços patrimoniais, refletindo o seu direito de uso do ativo durante um determinado período e o passivo associado para refletir os pagamentos de aluguel. Em resumo, a nova norma não distingue mais arrendamento Leia mais sobreARRENDAMENTO MERCANTIL – O QUE MUDA COM O IFRS 16 / NBC TG 06 (R3)[…]